cinnabar @ 20:52

Ter, 01/01/08

i'm in gryffindor!Geralmente boa rapariga, sem problemas psicológicos dignos de serem referenciados. É-lhe muito mais fácil descrever-se na 3ª pessoa do singular, como está exemplificado, e consegue ser deveras egocêntrica. Tem tendência a usar palavras complicadas quando está nervosa. Já teve o coração o partido e deseja virar lésbica (ah, era tudo mais simples. Por que raio não podemos escolher a nossa sexualidade? Injustiça) ou simplesmente não se apaixonar nunca nunca mais. O melhor dia da sua vida foi em 24/06/2007 – concerto dos My Chemical Romance. Gosta de vários estilos de música, exceptuando kizombadas e kudurus, claro está. Está no 11º ano, área de Línguas e Humanidades, e o seu sonho, além de dominar o mundo após o zombie apocalipse com a sua wonderwall, é tornar-se uma escritora publicada.

Trabalha mais ou menos rotineiramente nas seguintes histórias:

 

- Índigo Purple e a armada dos pseudo-vivos;

 

- Ego

 

Possui Deviantart e Twitter.

 



Espécie de diário de 3 - Kátia, Filipa, Olga - adolescentes. Linguagem por vezes ordinária, muy drama, tiradas poéticas, desabafos, parvoíces, ilusões, queixas da vida, análises cuidadosas e centralizadas sobre factos da vida (ahahah), ou outra treta qualquer que nos apeteça postar / partilhar com o resto do mundo.

RSS